“Nunca é tarde…”

           “Nunca é tarde…, expressão tantas vezes usada, serve para todos os assuntos, para todas as áreas para quase tudo na vida.

            Nunca é tarde para o sucesso, nunca é tarde para arrepiar caminho, nunca é tarde para a felicidade, nunca é tarde para corrigir erros, nunca é tarde para começar a viver, nunca é tarde para amar…poderia seguramente encher esta página de coisa que nunca são tarde para se empreenderem, mas vou mesmo ficar na última, nunca é tarde para o amor, nunca é tarde para amar.

            Se um dia te disserem que o teu tempo passou, que a tua vida não presta, que tu não és um exemplo, não te incomodes. Pára, vê se há algum fundo de verdade no que te dizem e acima de tudo não desesperes nem queiras ir buscar aos outros desculpas, porque sabes que há muito que enfermam dos mesmos males, não. Não te entregues igualmente em ódios ou revoltas, não, esse é de todos o pior caminho. Quando te apontarem o dedo não te incomodes para onde aponta, mas como aponta, repara que para lá de ti esse dedo aponta o caminho, a estrada, é caminhando que construímos. Parados, imóveis, apenas contribuímos para a nossa derrota.

            Mesmo que um dia chegues à conclusão que tudo o que fazes e fizeste está errado, não te lamentes, não escolhas os bancos para o teu descontentamento. Agarra na tua vida, enche-te de coragem e vai, faz novo caminho, recomeça – “Nem que seja para ser feliz só um dia da minha vida, hoje vou por aqui” isto disse-me um dia um amigo, quando o questionava sobre a sua vida de agora, sobre o caminho em que seguia, perguntei-lhe ainda:

            – “E o amanhã, como vai ser? Seguindo por aí o que te irá acontecer?

            Respondeu-me da for que jamais esperei ouvir:

            – “Tenho passado a vida a lamentar-me dos erros de ontem, vivo num hoje de pouca ou nenhuma felicidade por isso, só já me resta o amanhã, que quero construir a partir de agora, se este novo caminho me permitir ser feliz um dia, então já poderei dizer quando me perguntarem, que ao menos por um dia fui feliz na minha vida”.

            Será que vale a pena tanto esforço, para sermos felizes apenas um dia?

            Claro que vale, bem mais triste é não ter sido feliz dia nenhum.

            Por isso digo hoje, pode não ser tarde para muita coisa, mas o mais importante é nunca acharmos que é tarde para amarmos e sermos amados, amor de carne, amor de espírito, amor de amor. Tudo o que quisermos mas com a consciência de que na vida só chegamos tarde na hora do nascimento, porque temos tanto para fazer e a morte desde esse momento que achou que não era tarde para nos encontrar, iniciando um processo que nos levará para o fim.

            Podemos chegar tarde a muitas coisa ao longo da vida, mas nunca nos devemos atrasar para o amor e mais que isso, mesmo que estejamos muito atrasados, nunca nos fiquemos pelo caminho, que mais vale tarde do que não chegar, porque para o amor…nunca é tarde…”

Anúncios

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s