“De Ferias…”

Bom, é só para dizer que hoje parto, finalmente, de férias. Volto no fim do mês.  By, by.

“Blogosfera…”

           “Como sabem, este é um espaço onde aproveito para deixar a minha pena correr, entenda-se, teclas aqui do computador e é exactamente esse facto, que me faz hoje escrever algumas palavras sobre estas novas tecnologias.

            Como sabem, este é o espaço onde tenho de forma séria e transparente deixado a minha alma, o meu coração, a minha emoção falar por mim. Tenho, sem rodeios ou rebuscados lances de teatro, trazido a este espaço o que vejo, sinto e penso sobre os mais variados assuntos, umas vezes de forma mais emotiva, outras de forma mais pragmática, ultimamente também com algum humor, ou pelos menos dizer algumas coisas a sério mas utilizando alguma graça ou ironia.

            São coisas do nosso tempo, dirão alguns, e é verdade, este nosso tempo que umas vezes nos devora e outras vezes nos permite estas possibilidades de, de forma completamente inusitada, poder entrar em todas as casas, andar pelo mundo. Eu sei lá quem já aqui veio, eu sei lá quem já me leu, eu sei lá que ideia fazem e o que pensam de mim, quando clicam neste wordpress, chamado “Em Voz Alta”. Eu sei lá por onde ando.

            Quase todos os dias surgem na net novos espaços, há de tudo. Há os mais sérios, os mais desinteressados, os cheios de objectivos e boas intenções, os religiosos, políticos, culturais, desportivos…etc., etc., etc.

            Estremoz, esta magnifica cidade que me viu nascer, crescer e agora viver é como as demais, aqui também proliferam os cibernautas e surgem de todos os campos e como refiro atrás com todas as intenções, até hoje, e só ainda é quarta-feira, já encontrei mais dois: http://blogdojoseramalho.blogspot.com e http://estremozser.blogs.sapo.pt ora que bom, cá para mim que venham e apareçam mais, como se costuma dizer “Seja bem-vindo, quem vier por bem”.

            A vantagem que estas coisas da net têm, é que aqui todos são iguais, o espaço é igual para todos, não há censuras. Pena é que muitos ainda se sirvam destas magníficas possibilidades para fins tão hediondos como a pornografia, objectivamente a infantil. Pena é que alguns utilizem estas possibilidades para o crime e pena é igualmente ter que assistir, muitas vezes a tanta maledicência, vestida de anonimato para ferir, atacar e destruir os outros.

            Termino com a mesma popular expressão que já utilizei há dois parágrafos atrás: “Seja bem-vindo, quem vier por bem”  

 

“Eu bem te disse que o café te fazia mal à cabeça…”

         “Olá caros amigos e amigas, novidades? Não há?

         Pois, quanto a mim tudo na mesma, mantenho-me na balda e assim vou continuar até lá para Setembro, estou assim como que num estado de letargia, meio a dormir meio acordado, meio a meio a trabalhar, meio a pensar nas férias que nunca mais chegam. Não, três quartos a não trabalhar a pensar nas férias.

         Sei que têm continuado a vir aqui com alguma assiduidade, mas a coisa não tem estado fácil, deito-me tarde a ver as telenovelas, ando a ver se me inspiro para escrever a minha, a tal a que faço referencia no texto anterior, mas a coisa não tem sido fácil, ainda não consegui descobrir quem matou o gato e afinal a personagem principal gosta mesmo é do primo do vizinho do lado e isso tem-me baralhado a história.

         Sei igualmente, que muitas têm sido as minhas fãs que aqui têm vindo à espera que eu revele o sítio onde gosto mais de beijinhos, mas não, para já não irei revelar, até porque assim perdia o interesse e o suspense, né? Pois.

         Por falar em férias, já era para ter partido, alugei uma avioneta, mas como agora não posso passar por cima da casa do Cavaco e a bicicleta tinha dois furos, ainda cá estou.

         Bom e coisas mais a sério? Hoje não digo nada? Claro que digo. Cá continuo na minha tournée com Frei Hermano, dia 15 de Agosto vamos estar em Portel e dia 29 em Caminha, Alentejo e Minho, pelo meio estarei em São Pedro de MoeL e no Sabugueiro, vou passar este mês de Agosto assim tipo Cigano, ou seja, de Feira em Feira, de Festa em Festa, não levo produtos contrafeitos, portanto não preciso de ter medo da ASAE. Ou se calhar até é melhor ter, como as coisas andam ainda nos vão ver as etiquetas dos fatos e as marcas dos sapatos, poderão querer saber de que animal são feitos e, caso sejam de pele de porco, podem igualmente estar interessados em saber se o animal foi morto no meu quintal ou no matadouro mais próximo e lá me fecham o quintal, é que às vezes passeiam-se por lá umas baratas e dois grilos. Isto tá bonito tá.

         E vocês, essa vidinha, vai ou não vai? Já foram de férias? Mais que não seja agarrem no cão e no gato e levem-nos ao parque para fazer xixi e cocó, sempre dão um passeiozinho. Se quiserem até podem levar uma tendazita e aproveitam para pedir à Câmara da vossa terra para vos dar uma casa nova, a coisa está na moda. Partam a loiça lá em casa, dêem uns tiros nas janelas e no periquito do vizinho de baixo, metam os gaiatos a gritar no meio da rua, partam o plasma, a playstation e o ar condicionado, façam uma lareira com os tacos do chão da sala e depois, é só vir para a rua pedir uma casinha, como já disse montem arraias no jardim mais próximo e pronto, mas tenham cuidado para não se sujarem no cocó do cão do vizinho, mas se se sujarem é capaz de ser mais fácil, como entretanto também atiraram a máquina de lavar roupa pela janela e os peixes morreram, sim porque ela estava a servir de aquário, oh, oh, os peixes é que não achavam grande piada, principalmente na parte da centrifugação, já estava a divagar, dizia eu, não podiam então lavar a roupa e cheiravam mal a cocó, assim até vos davam uma casa mais depressa, só por não suportarem o cheiro, à merda de cão.

         Ontem também vimos uns brasileiros, ou lá o que eram, a querer assaltar uma agencia do BES, mas claro que se enganaram, era mais fácil irem ao BCP, é que aí, ao que parece, é que têm acontecido grandes assaltos, o Berardo bem os manda, Fuckyou, mas eles não vão, mas isso são contas lá da rapaziada da Madeira e eles que se entendam. Quanto aos assaltantes, vê-se mesmo que não eram Portugueses, tchi, assaltar um banco e fazer reféns, iam à feira da ladra e levavam dois marroquinos, valiam muito mais e punham-nos a negociar com a policia, no fim quem ia preso era o Policia, por lhe ter dado mais valor do que um dos marroquinos pedia pelo Auto-Rádio, que este tinha roubado do carro do chefe em frente à esquadra de Campolide na semana passada.

         Para fechar digo que o país vai de vento em poupa, as coisas agora estão a correr melhor, é que o Sócras, mais a maioria dos elementos do governo estão de férias e assim sempre temos algum descanso. Será que foram eles que mandaram os outros assaltar o banco só para isto ter alguma animação? Ná eles fazem isso todos os dias né? E os reféns somos todos nós, pena que não apareça um daqueles snypers, um daqueles atiradores de ontem, com tão boa pontaria davam-nos cá um jeito. Soube hoje uma notícia de ultima hora, parece que o Jardim é que os vai contratar lá para a Madeira, mas ainda não consegui apurar para o que será.

         Beijinhos, prometo que isto segue dentro de momentos…ou não…se não aparecer é porque fui raptado. Mas eu não sou Marroquino, ou serei? O meu Pai era meio espanhol! Hum…se calhar!!! …Há!!! Só se for por causa dos cães, se a ASAE lá vai analisar o cocó e descobre que a comida é do LIDL, não sei não!

Bom, o homem passou-se de vez. É o que estão a pensar não é? Ná. É do sol e do café aqui da rádio, é daquele de cápsulas, não presta pra nada e ao terceiro começa a dar alucinações, ora hoje já bebi quatro…tá visto. Vou reclamar, chama-se a ASAE e pronto, mandam-me um Snyper, dá um tiro na máquina, chama-se o INEM e problema resolvido. É claro que enquanto o INEM vem e não vem dá para beber dez cafés…, agora vou avisar o Sócras, é que eu ando desconfiado que a máquina de café do gabinete dele é igual à minha, lol…”