“Já cá estamos…”

“Só no dicionário é que sucesso surge à frente de trabalho”

         Albert Einstein.

 

         “Já cá estamos, refiro-me, naturalmente a 2009. O anunciado ano das dificuldades, o país, e o mundo de uma forma geral, vivem uma época única, para muitos o mais especial e difícil desafio das nossas vidas. Talvez não nos tenhamos apercebido, para já, da verdadeira dimensão da tão anunciada crise, e o que é que isso implicará nas nossas vidas. O que é que nos vai acontecer. Será que vamos todos para o desemprego? Desmoronar-se-á todo o edifício social? Até que ponto vão ser capazes as empresas de suportar a falta de encomendas, e por conseguinte a falta de dinheiro para pagar aos seus fornecedores, impostos e no fim, porque estão sempre no fim, aos seus funcionários? Estas são algumas das muitas inquietações que de certeza nesta altura nos enchem o espírito.

         Sou católico, crente, como já aqui referi várias vezes, e não o digo apenas num acto de me servir dessa condição para ser um protegido divino, ou para me escudar de qualquer coisa, não, faço-o porque honestamente o sinto e procuro direccionar a minha vida e as minhas atitudes, tendo por base algo em que acredito como bom e que isso me possa também tornar melhor perante os outros e melhores as minhas opções de vida. Mas é dentro deste princípio que acredito que estas crises também são, ou podem ser, minoradas pelas nossas atitudes e opções. Não fomos nós, pequeninos, que directamente contribuímos para este estado de coisas, mas, tenho a certeza, que seremos nós os mais pequeninos que juntos conseguiremos dar a volta ao texto. Como? De que forma? Simples, acreditando logo e ao principio em cada um de nós, sabendo que somos todos homens e mulheres de talento, de trabalho. Teremos que ter alguma dose de obstinação, de revolta, de sentido de luta e sobretudo de vestir as nossas acções de garra.

         Acreditando no princípio de Einstein, que encima o texto, tenho que chegar à conclusão que se agora se vivem e se prevêem momentos de insucesso é porque alguém trabalhou mal. Por isso, mãos à obra amigos, o amanhã depende de nós e da forma como conseguirmos pôr os nossos talentos a render. É tempo de mostrar que somos capazes, nós, aqueles a quem julgam insignificantes e incapazes, sim nós. Porque o sucesso é de facto fruto do trabalho e naturalmente quanto mais e melhor trabalharmos, maior e melhor será o nosso sucesso.

         Vamos a isto, afinal já estamos há 9h em 2009 e, eu, ainda não fiz nada, “depois não te admires que o sucesso não surja”.

         Bom ano, cheio de trabalho…”       

1 Comentário

  1. Zé amigo, é pena é que pessoas com responsabilidades na Cidade digam tão mal de ti amigo, abraço grande. Amélia


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s