“Cristo entre os meus dedos…”

Senhora trago o teu rosário ao peito

Em contas de tristeza e solidão

Na soma do pecado em que me deito

Descontas dia a dia o meu perdão

 

Na prece que a teus pés vou desfiando

Ofereço-t` em sussurro os meus segredos

E o Cristo que nas mãos vou amarrando

Liberta-se da cruz por entre os dedos

 

E pede-m`outra fé, outra vontade

Na taça do amor que me quer dar

E o brilho inebriante que me invade

Reclama um Deus que teimo encontrar

 

No sal que o meu rosto amargo dá

Em lágrimas de sangue sobre ti

Imploras-me o caminho p`ra que vá

Em busca do lugar d` onde parti

 

Não sei o que me prende, mas não vou

E sinto mais distante a tua luz

Por fim, tão triste como me encontrou

O Cristo volta sempre à sua cruz

Anúncios

1 Comentário

  1. Olá amigo,
    deixo-te o convite para visitares o meu blog Elvas Melhor.

    Abraços,
    Patrício
    http://www.elvasmelhor.blogspot.com


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s